Inicial > Windows Server System > Como implantar em massa o Google Chrome Enterprise

Como implantar em massa o Google Chrome Enterprise

Aplica-se: Windows Server e Windows Client

Como um administrador de TI em uma empresa, temos a necessidade de implantar os navegadores Chrome para os usuários em computadores com Windows®, Mac® e Linux®. É possível implantar e gerenciar, e entregar o Google Chrome para as pessoas que usam o Chrome, como os aplicativos e extensões que podem ser utilizados, a segurança e a privacidade de dados, a experiência de navegação e muito mais.

Primeiramente acessar o site do Google Chrome Enterprise, realizar o download.

https://enterprise.google.com/intl/pt-BR_br/chrome/chrome-enterprise/

https://support.google.com/chrome/a/answer/188446?hl=pt-BR – Gerenciar Navegador

O arquivo é MSI, são chamados de arquivos do pacote de instalação do Windows, que são usados ​​para distribuir atualizações e instaladores de programas da plataforma do Windows.

Dica para saber as formas de instalação customizadas, recomendo rodar o MSI com o prompt de comando, conforme imagem abaixo:

image

Após o comando “googlechromestandaloneenterprise64.msi /?”

image

As seguintes opções abaixo.

Windows (R) Installer. V 5.0.17134.1

msiexec /Option <Parâmetro_Necessário> [Parâmetro Opcional]

Opções de Instalação
    </package | /i> <Produto.msi>
        Instala ou configura um produto
    /a <Produto.msi>
        Instalação administrativa – Instala um produto na rede
    /j<u|m> <Produto.msi> [/t <Lista de Transformação>] [/g <ID_Idioma>]
        Divulga um produto – m para todos os usuários, u para o usuário atual
    </uninstall | /x> <Produto.msi | CódigoProduto>
        Desinstala o produto
Opções de Exibição
    /quiet
        Modo silencioso, sem interação do usuário
    /passive
        Modo autônomo – somente barra de progresso
    /q[n|b|r|f]
        Define o nível da interface do usuário
        n – Sem interface do usuário
        b – Interface do Usuário básica
        r -  Interface do Usuário reduzida
         f -  Interface do Usuário completa (padrão)
    /help
         Informações de Ajuda
Opções de reinicialização
    /norestart
        Não reinicia depois que a instalação for concluída
    /promptrestart
        Solicita que o usuário reinicie, caso necessário
    /forcerestart
        Sempre reinicia o computador após a instalação
Opções de Log
    /l[i|w|e|a|r|u|c|m|o|p|v|x|+|!|*] <ArquivoLog>
        i – Mensagens de status
        w – Avisos não fatais
        e – Todas as mensagens de erro
        a – Inicialização de ações
        r – Registros específicos de ações
        u – Solicitações do usuário
        c – Parâmetros iniciais de Interface
        m – Informações de memória insuficiente ou saída fatal
        o – Mensagens de espaço em disco insuficiente
        p – Propriedades do terminal
        v – Saída detalhada
        x – Informações adicionais de depuração
         + – Acrescentar ao arquivo de log existente
        ! – Mover cada linha para o log
        * – Registrar todas as informações, exceto para as opções v e x
    /log <ArquivoLog>
        Equivalente a /l* <ArquivoLog>
Opções de Atualização
    /update <Atualização1.msp>[;Atualização2.msp]
        Aplica atualização(ões)
    /uninstall <GuidCódigoPatch>[;Update2.msp] /package <Produto.msi | CódigoProduto>
        Remove atualização(ões) de um produto
Opções de Reparo
    /f[p|e|c|m|s|o|d|a|u|v] <Produto.msi | CódigoProduto>
        Repara um produto
        p – somente se o arquivo estiver ausente
        o – se o arquivo estiver ausente ou uma versão mais antiga estiver instalada                 (padrão)
        e – se o arquivo estiver ausente ou se uma versão igual ou mais antiga estiver                 instalada
         d – se o arquivo estiver ausente ou uma versão diferente estiver instalada
        c – se o arquivo estiver ausente ou checksum não corresponder ao valor                 calculado
         a – força todos os arquivos e serem reinstalados
        u – todas as entradas específicas do usuário necessárias (padrão)
         m – todas as entradas do Registro específicas do computador necessárias                 (padrão)
        s – todos os atalhos existentes (padrão)
        v – executa da origem e rearmazena em cache o pacote local
Definição de Propriedades Públicas
     [PROPERTY=PropertyValue]

Consulte o SDK do Windows (R) Installer para obter documentação adicional sobre a
sintaxe de linha de comando.

Copyright (C) Microsoft Corporation. Todos os direitos reservados.
Partes deste software são baseadas no trabalho do Independent JPEG Group.

Felipe Gabriel
MCP + MCDST + MCSA + MCTS
Microsoft Community Contributor Award
Blog: Felipegbass.wordpress.com
Twitter: @felipegbass

Anúncios
  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: